Vila Gastronômica é entregue representante do governo da Bahia

Outubro 19, 2017 Sem comentários »

A implantação da Vila Gastronômica do Banco das Vitória, em Ilhéus, deu um passo decisivo na manhã de hoje (18). Durante encontro mantido no Centro Administrativo da Conquista, o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, entregou o Projeto Executivo – com todas as suas etapas cumpridas pelo governo municipal – ao coordenador de Projetos de Investimentos em Zonas Turísticas, da Secretaria Estadual de Turismo (Setur), Marcos Miranda. Com os recursos no valor de 840 mil reais garantidos através de uma emenda da senadora Lídice da Mata (PSB/Ba), o próximo passo é a aprovação do projeto por parte da Caixa, para a autorização da licitação e, em seguida, a execução da obra.

O prefeito Mário Alexandre lembrou que a Vila Gastronômica começou a ser idealizada há oito anos, mas nunca havia sido levada adiante. “Conseguimos resgatar o projeto por considera-lo importante para a economia do bairro e por sua condição geográfica, entre duas importantes cidades da região”, destaca. A Vila terá um trecho de quase dois quilômetros, com piso intertravado, zonas de estacionamento, paisagismo, iluminação e pórtico de entrada.

O Projeto Vila Gastronômica do Banco da Vitória pretende formatar um novo produto turístico no município, tornando o local um ponto de serviços importante na oferta e valorização de bares e restaurantes. Levantamento feito pela Prefeitura aponta que existe uma demanda espontânea para o polo de serviços de Banco da Vitória. Cerca de 70 por cento dos consumidores do local são provenientes de outros municípios.

A gastronomia oferecida em Banco da Vitória é baseada em pratos com o calambau, o conhecido Camarão Pitu, moquecas, mamilo e outras carnes, e até derivados do milho. Atualmente, onze restaurantes funcionam naquela área. Além disso, há comércio de coco e diversas frutas, artesanato e outros serviços.

O projeto de qualificação da Vila Gastronômica também inclui a capacitação e treinamento da mão de obra disponível e dos próprios empreendedores, através de parceria com o Sebrae.

Assunto Relacionado

Comente