‘Despacito’ volta ao ar após ação de hackers em vídeos no YouTube

Abril 11, 2018 Sem comentários »

O clipe da música “Despacito” voltou ao ar no YouTube. O vídeo oficial dos porto-riquenhos Luis Fonsi e Daddy Yankee retomou o posto de mais assistido na História do YouTube, com cinco bilhões de visualizações. Nesta terça-feira, um grupo de hackers se valeu de uma brecha de segurança no canal Vevo e alterou a produção latina e outros trabalhos de artistas na plataforma.

A performance retornou à plataforma com o número atualizado de visualizações e a data original de publicação, 12 de janeiro de 2017.

Segundo a “BBC”, artistas como Shakira, Selena Gomez, Drake e Taylor Swift também sofreram efeitos da ação dos hackers. Todos os alvos foram vídeos publicados pelo canal da Vevo, que tem mais de 16 milhões de inscritos.

Até a resolução da falha, o link do clipe do hit “Despacito” aparecia na busca do Google sob uma imagem de pessoas mascaradas e armadas — uma cena do seriado espanhol “La casa de papel”. O link encaminha o usuário para uma mensagem de que as imagens foram removidas.

O conteúdo das imagens permaneceu inalterado. Mas alguns títulos foram mudados para incluir os nomes dos responsáveis e parte dos alvos teve a imagem de capa substituída.

Diante do alerta de invasão, um porta-voz do YouTube destacou que a companhia trabalhava em parceria para desabilitar o acesso após “atividade de upload inusual” em algumas contas do Vevo. Já o Vevo frisou que a brecha de segurança foi contida e que a empresa tentava recolocar os vídeos e restabelecer o serviço.

A plataforma vai investigar o incidente. Luis Fonsi e Daddy Yankee não comentaram a remoção do clipe expressamente. No Twitter, Fonsi publicou mensagens de encorajamento e destacou que “continuava a trabalhar”. “Quem se cansa perde”, escreveu o porto-riquenho.

FONTE: O GLOBO

Assunto Relacionado

Comente